Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

O pcDuino é quase que um filhote do Arduino com o Raspberry Pi. Exageros à parte, mas é quase isso mesmo.

 

 

 

 

A ideia foi unir em uma plataforma as facilidades de interfaces digitais e analógicas do Arduino com uma plataforma que tenha um sistema operacional e interfaces de computadores comuns como o Raspberry Pi.

 

 

 

 

 

 

O que é possível fazer com o pcDuino? Quase qualquer coisa que se faz com o Arduino e/ou com o Raspberry Pi. Com ele é possível desenvolver um sem número de projetos e criar protótipos sem fim. Usando um pcDuino é possível:

 

1. Ensinar/Aprender programação em linguagem C, Python e etc;

2. Criar interface entre equipamentos eletrônicos e acessá-los através de rede, por exemplo;

3. Usá-lo como se fosse um mini computador de baixíssimo custo;

4. Ver vídeos;

5. Escutar músicas;

6. Jogar;

7. etc.

 

No pcDuino temos, uma saída HDMI para vídeo e som, uma interface de rede cabeada 10/100Mpbs e um conector mini-USB para alimentação. A alimentação é 5V 2A:

 

 

 

 

Uma porta USB:

 

 

 

 

Um conector para cartões microSD:

 

 

 

 

Interface de rede Wifi IEEE 802.1b/g, próxima à porta USB:

 

 

 

 

Tudo isso com o sistema operacional Ubuntu integrado.

 

Iniciá-lo é muito simples, bastando conectar o cabo HDMI ao pcDuino e a um monitor ou TV, um teclado USB e alimentá-lo para começar as configurações básicas:

 

 

 

 

Logo após o primeiro boot será mostrado um menu de configurações com opções para, na ordem:

 

Mudar a resolução da tela

Mudar a porcentagem de ocupação da tela

Mudar a senha padrão do Ubuntu

Ajustar a linguagem local

Ajustar o fuso horário

Ajustar o teclado

Mudar se o boot finalizará na interface gráfica ou console

Atualizar o sistema

Realizar um backup do sistema

Clonar o sistema

 

 

 

 

Opções para resolução de tela:

 

 

 

 

Opções para porcentagem de ocupação da tela:

 

 

 

 

Alteração de senha:

 

 

 

 

Linguagem local:

 

 

 

 

Fuso horário:

 

 

 

 

Configuração de teclado:

 

 

 

 

Modo de inicialização (gráfico ou console):

 

 

 

 

Atualização do sistema:

 

 

 

 

Backup do sistema:

 

 

 

 

Clonagem do sistema:

 

 

 

 

Feita todas as configurações o sistema irá reiniciar e se você não mudou o modo de boot aparecerá a interface gráfica do Ubuntu:

 

 

 

 

Algumas considerações importantes:

 

Existe apenas uma porta USB no pcDuino o que faz necessário usar um hub USB para conseguir usar, por exemplo, teclado e mouse ao mesmo tempo. Recomendo hubs com fonte para evitar que a corrente consumida pelo periféricos prejudique o pcDuino, já que o máximo possível a ser drenado da porta USB é de 500mA.

 

O investimento é bom, as possibilidade quase infinitas e a diversão sempre garantida.

 

As especificações técnicas, uma sugestão de preço e etc. você pode encontrar na Tato Equipamentos Eletrônicos.

 

Logo postarei mais tutoriais de como usar e programar o pcDuino!